Quem fui, quem sou, quem serei...

De cor verde-esmeralda são os olhos de quem chora, de quem ri, de quem sonha. De quem espera pelo inesperado. De quem sabe que não há impossíveis, mas que acredita na impossibilidade do possível. Na cor verde-esmeralda, habita um presente cinzento e um futuro cintilante. Filha do vento e da brisa, inconstante. Filha da brisa e do vento…

sexta-feira, 6 de março de 2009

Precisei de colo…
Precisei de mimo…
Precisei de palavra ou silêncio feito calmante compreensivo…
Precisei de um abraço ou de um sorriso…
Precisei e não tive…
Precisei e não pude pedir…
…precisei e não tinha que me desse um minuto de carinho.
A tristeza, o desalento, a incapacidade de fazer ouvir os meus tormentos silenciosos, tomaram conta de mim numa noite de vento e luar.
Tentei não pensar, tentei me concentrar em lavores infindáveis, tentei vegetar, tentei sensibilizar-me em desgraças alheias, tentei de tudo, mas a tristeza já se apoderara de um corpo, de uma mente que luta nesta intempérie real e interior.
Tentei, juro que tentei, não consegui…
Sucumbida pelo vento aninhei-me, enrosquei-me em mim…
…dei-me colo, dei-me mimo, dei-me palavras num silêncio solitário, dei-me um abraço e sorri-me.
Dei-me tudo aquilo que procurava…
…dei-me tudo aquilo que queria pedir e não tinha a quem.
Dei-me…
…e aninhada em mim, adormeci num sono acarinhado por uma lágrima que há muito aprisionei em mim.
Acarinhada por uma lágrima vinda de mim, descansei num sono tranquilo esperando que ao alvorecer a tristeza que me consumiu seguisse as pegadas da lua e me deixasse o brilho alegre trazido pelo sol.
A tristeza não seguiu a lua e apoderou-se do sol, prendendo o brilho e a alegria na ventania que se faz sentir.
Precisei de colo, de mimo, de palavra ou silêncio, de abraço ou sorriso, e não tive…

18 comentários:

Secreta disse...

Como te entendo...
:(

José disse...

Eu apenas posso contribuir com
um chuvisco. com todo carinho
para a Esmeralda.

uma boa noite e com menos frio.

Edu disse...

pois e verdusca
Entrepertei mal o que escreveste.
Mas sabes cada dia k passa te descobre mais e mais.
Sentes falta de certas coias, lol como eu sei o k é isso principalmete hoje e agora, nem te passa, ma sla esta sei o que quero.
Um abraço do tamanho do mundo, e apertado komo o no da garganta k sentimos ao lembrar certas pessoas.

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Na margem do mundo
além dos meus olhos,
Belo,
Sei que o exílio será sempre
verdejante de esperança,
O rio,
Que não podemos atravessar
corre eternamente.
(Samuel Menashe)

Tenha um lindo final de semana cheio de amor e paz no coração
Abraços: Eduardo Poisl

mdsol disse...

:)))

Espelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Esmeralda disse...

Bom dia Espelho:

Tenho dentro de mim???
Dentro de mim existo apenas eu...

beijocas

Só Eu disse...

"e aninhada em mim, adormeci num sono acarinhado por uma lágrima que há muito aprisionei em mim.
Acarinhada por uma lágrima vinda de mim, descansei num sono tranquilo esperando que ao alvorecer a tristeza que me consumiu seguisse as pegadas da lua e me deixasse o brilho alegre trazido pelo sol."

Tão lindo. Belissima imagem. O meu colo é o mar. Ofereço-te. Partilho-o.
Beijinhos
Ricardo

Multiolhares disse...

Por vezes é assim mesmo,precisamos e nada temos,mas o sol sempre pode nascer

tentei comentar no outro cantinhp não consegui
Beijos

Anónimo disse...

Ao ler a tua prosa poetica
vi lá muita solidão
a vida às vezes não é perfeita
mas outros dias melhores virão

e gostei muito da frase
ao responderes ao espelho

dentre de mim existe apenas eu

é caso para dizer espelho meu
quem está mais triste do que eu

bj

Esmeralda disse...

Espelho:

O teu cometário desapareceu...
Porquê???

beijocas

Esmeralda disse...

Anónimo, obrigada pela visita...
Existe gente mais triste que eu, sim existe...
Respondi assim ao Espelho porque quem amo, de facto está dentro de mim, o homem que amo está dentro de toda a minha alma, mas ao não amar-me, resta-me apenas eu e somente eu num sentimento só.

beijocas

Eclipse luar disse...

O melhor carinho é aquele que recebemos sem pedir. Aquele que recebemos mesmo sem saber o quanto estava-mos a precisar. Se assim não for de que vale a pena ter?

Esmeralda disse...

Obrigada José...

Esmeralda disse...

Multiolhares, já dá para comentar no cantinho da Esmeralda e do Edu.

beijocas

Esmeralda disse...

Eclipse luar:

Nunca sequer uma caricia pedi ao dono do meu coração, nem mesmo quando "estávamos juntos".

Beijocas

Eclipse luar disse...

Sim eu sei.

Esmeralda disse...

Eclipse luar:

Sabes? Como?