Quem fui, quem sou, quem serei...

De cor verde-esmeralda são os olhos de quem chora, de quem ri, de quem sonha. De quem espera pelo inesperado. De quem sabe que não há impossíveis, mas que acredita na impossibilidade do possível. Na cor verde-esmeralda, habita um presente cinzento e um futuro cintilante. Filha do vento e da brisa, inconstante. Filha da brisa e do vento…

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Obrigada 'Marias'...

Hoje pela manhã, ao abrir este meu diário dos tempos modernos, deparei-me com estes miminhos.
Obrigada 'Marias', bem que andava a precisar de miminhos destes.





E como partilhar faz parte do meu ideal de vida...
...aqui vos deixo um pedacinho de 'bom dia'.

6 comentários:

Edu disse...

DEsculpa verdinha esmeralda, mas hoje nao tou numa de receber nada.
Fica para outro dia.
Ainda assim obrigado. Naopenses que menosprezo. Apenas nao tou numa de receber nada mesmo.
bjinho.

mdsol disse...

Parabéns!
:))

Espelho disse...

Mais que merecidos...

Beijo

Angel disse...

Olá Esmeralda...obrigada por gostares de paratilhar..e comigo...um beijinho grande com carinho e claro..sempre com muitos Sonhos..=)

Secreta disse...

Parabéns pelos premios e obrigada por me noemares :)
Beijito.

Anaconda disse...

Mais vale tarde que nunca.
Muitos parabéns e obrigado pelo teu carinho e apoio. E bem que preciso de alterar o dia para melhor. Bjo